Fashion,

Happy girl

Leve, solta, menina, moça, senhora de si, graciosa e elegante, assim me faz sentir este vestido. Sim, vestido que usei como saia, porque se pudesse seria provavelmente o único no meu armário. Este vestido era da minha mãe, e lembro-me perfeitamente de tira-lo às escondidas para levar para a escola. Ficava-me largo, mas eu senti-me a mais bonita da escola nesses dias. Depois chegou aquela altura em que a minha própria mãe me emprestava nos dias em que surgiam os convites para as primeiras festas e jantares de grupo. Ou mais tarde, para as primeiras entrevistas de emprego. Foram momentos felizes. O tempo passou e ela acabou por me oferecer, e hoje estimo-o e reinvento, adaptando-o ao meu estilo e aquilo que sou. Brinco e redescubro novas formas de estar com ele… Mas é engraçado porque este vestido continua a fazer-me sentir, leve, solta, menina, moça, senhor de mim mesma, graciosa e elegante. Mas hoje, sei que acima de tudo me faz reviver momentos feliz, hoje em dia faz-me sentir feliz.

Si

Dress – Mãe

Sweater – Mango

Boots – Massimo Dutti

Bag – Michael Kors

 

1no comment

Leave a Reply